6 de mai de 2014

A amizade entre mulheres, em sua grande maioria, é falsa?

Compartilhe


A amizade é uma disposição humana que acomete a todos. Pode também não ser tão acessível, dependendo da personalidade dos envolvidos. A falsidade entre mulheres pode ser de fato, uma verdade, mas apenas alguns casos, quando a amizade não possui bases sólidas e a verdade ainda não é suportada. Também pode ocorrer entre homens e mulheres, ou seja, não é uma questão de gênero, mas de consciência e amadurecimento da relação.

O desejo é algo que parte do nosso íntimo, e portanto, desejamos muito além do que podemos controlar. A inveja é um sentimento que compartilha nosso lado humano menos evoluído e daí, acontecem essa vontades que atingem o outro, os outros e não nos beneficiam em nada. Apenas mascaram uma realidade: queríamos ser quem o outro é, ter o que o outro tem e assim, fica menos doloroso assumir que a insatisfação é nossa, a dor é nossa, o vazio é o de dentro, que erroneamente será preenchido com aquilo que não nos pertence.

Há uma motivação de competição feminina, que é silenciosamente aprendida, culturalmente ainda ensinada: temos que ser a melhor do nosso grupo, da nossa turma na escola, do balé, da natação.. E não nos dizem que, é possível que exista alguém tão boa quanto, ou mais habilidosa em alguns aspectos. Isso é natural, mas não aprendemos claramente e fica confuso então, crescer e não se destacar como nos disseram para fazer. Não sou assim, não agora, mas já passei - ufa, bem rápido - por esta fase, que me dizia ao pé do ouvido: o da amiga é sempre melhor. E não é, porque não está em consonância com as minhas questões pessoais. É preciso descobrir as minhas prioridades, só minhas, porque prioridades são como digitais, e só.

Nenhum comentário :

Postar um comentário