8 de mar de 2017

E se, no mundo, só existissem mulheres?

Compartilhe

No dia internacional da mulher, escrevo para todos, pois acredito que um entendimento positivo precisa alcançar pessoas, independente de gênero. 

Num dia onde nós, mulheres, receberemos elogios, flores, mensagens e ações diversas, gostaria de conversar sobre um mundo sem homens. Mas por que? Porque ouço e percebo que há uma grande voz social atuando com exclusões de gênero desnecessárias - considerando as minhas reflexões sobre o assunto. Ser mulher não significa afastar outras pessoas (neste caso, homens) pois a nossa vida, por vezes é um slickline (modalidade esportiva na qual o objetivo é a manutenção do equilíbrio sobre fitas amarradas em árvores) e daí, a necessidade de vivermos em 

Perguntei à alguns homens e mulheres: "O que acha de um mundo sem homens?". Eis as respostas:

●"Um mundo com mais companheirismo entre as mulheres, menos competição e valorização de si mesmas pelo próprio feminino... Porém, não seria o mundo ideal, pois o ideal são os gêneros diferentes estão em equilíbrio". [Mulher]

●"Como também sou homem, creio que a minha existência seria reprimida e jamais iria existir alguém como eu para uma mulher amar e ser amada, sendo assim seria uma vida vazia para ela e sempre iria estar sentindo a falta de algo, eu!". [Homem]

●"Acho que fica menos plural, menos cortês e elegante. Menos romântico e atraente. Com menos gente, menos cor e diversidade". [Mulher]

●"Mesmo com os avanços contemporâneos em que dispomos do incremento das máquinas e a tecnologia da internet das coisas, acredito não ser inteligente um mundo sem homens, da mesma maneira, sem mulheres. Cada qual exercendo seu papel complementa associando ao outro nas missões que lhes cabem. Acredito ainda, que resta equilibrar com serenidade as relações afim de encontrarmos um estado maior de vibrações possíveis à melhor relação dos seres como pessoas, para um salto ao mundo moral necessário à caminho da luz [...] Um mundo onde pessoas se amem sem rótulos ou diferenças. Para isso precisamos de mulheres e homens". [Homen]

●"Acredito  em uma sociedade sem gêneros - permeadas por valores como : caráter (integridade) física, mental e espiritual. Não há espaço para gênero". [Homen]

●"Inviável". [Homem]

●"Seria um mundo que logo se tornaria sem perspectivas e sem graça alguma, pois  a mulher não conseguiria viver sem ter os momentos de alegrias que nós homens companheiros proporcionamos, tanto no  lado  pessoal e profissional e também não teriam as dores de cabeças que alguns homens causam. Enfim, homens e mulheres se completam". [Homem]

●"Na verdade, nunca pensei sobre isso.. talvez pq imagino um mundo onde todos podemos ser quem quisermos; onde homens e mulheres possam viver e conviver com suas diferenças, sem que isso seja um problema". [Mulher]

●"Seria desestimulante. Saber que não poderia ter os olhos que nos admira, o sorriso que nos encanta e os abraços que nos conforta, daria um certo tédio. Sobreviver, com certeza, conseguiríamos, mas que graça teria ter tudo, sem ter um parceiro, um irmão, um tio, um pai...". [Mulher]

Estas respostas, me levaram a uma unidade nas reflexões: pessoas que não se conhecem ou não têm convivência, sao de gêneros diferentes e desejam um mundo equilibrado, pois temos sede de caminhar ao lado, não atrás ou à frente. Não um mundo igual, mas com disponibilidade para ressignificar as diferenças. É, falta agora assumirmos isto e não alimentar uma autosuficiência que não se sustenta de maneira saudável. Queremos pessoas do bem e para o bem. Homem ou mulher, que sejam humanos, enfim! Pois a questão não parece ser o gênero em si, mas as escolhas que fazemos, todos nós. O que você anda escolhendo defender por aí? [Esta reflexão é profunda, e não pretendo encerrá-lá por aqui, apenas te convido a refletir, se você se permitir].

PS: Agradecimento especial ao amigo que me inspirou o  texto, ao parceiro que tem compartilhado a vida comigo e às pessoas que se dispuseram a parar um pouco a vida corrida, pensar e escrever sobre o assunto solicitado. Ah! E feliz vida às mulheres! Lembrando que o futuro é unisex. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário