9 de ago de 2014

Compartilhe


Ah sim, eu sei que sim. Estilizo-me com sexo verbal, fazendo amor com as palavras me tocam. Que contam. Que me acham. Sim, as palavras me encontram e mesmo incertas, são acertos para mim. Aliviam, quase curam, só não, porque é da ordem do impossível a tal cura pela palavra. Pouco penso se erro, pouco lembro. Esqueci o que eu estava dizendo. Verdade, não minto. Ou sim? Dizem que são fortes os que mentem. Pois sou fraca demais para agir assim. Eu sei. Meu quarto tinha chave, ou tem. Não sei se joguei fora ou se guardei aqui (dentro) de mim. Engoli. Assim como faço quando o telefone não toca e eu não falo. Silêncio, por horas e horas e horas. A noite começa e eu não vou fugir. Firme nas memórias afetivas que me dizem para continuar acreditando no que for prometido com prazo para cumprir; porque nem só de lembranças vive o homem ou a mulher. Passarinho longe do ninho? Bom mesmo para alcançar novos voos. E voo com as palavras, que não me curam, mas me salvam sim. Eu sei. E desejo que vocês também salvem-se assim.

Um comentário :


  1. There are so many reason behind the relocation but choosing a packing and moving service provider is the big issue, so visit to dealkare for best packers and movers in r k puram and get affordable services.

    ResponderExcluir