30 de jan de 2012

Compartilhe


Permanecer é deixar-se surpreender. E só conseguem aqueles de coração aberto. Mas é preciso compreender os que não ficam. E saber que além das fotografias, ficam as impermanências de um passado. E esse passado tem sabor. E as lembranças cheiro e cor. Uma cor de olhos conhecida, mas exceto a cor, depois de tanto tempo, já eram olhos novos.


[Mayara Almeida]

Nenhum comentário :

Postar um comentário