23 de jun de 2011

Fazer silêncio!

Compartilhe

Escrever é um ato de coragem.
É também rebeldia.
Um calculado absurdo.
Grito sem barulho.
É um não descanso da mente da gente.
É um acesso ao curioso esquecimento.
É ter tanto dentro de si que não cabe, e quer sair.
É alojamento secreto do ego.
Só edita o que precisa para se chegar ao mistério.
De tudo que não é tão sério, mas é necessário para fazer silêncio, por dentro.
Escrever é um silêncio necessário.

[Mayara Almeida]


“Eu preciso escrever. Eu preciso desse refúgio seguro onde perco a noção do tempo e do espaço, e das minhas limitações, e simplesmente abro as asas. Um dia ganho o céu, eu sei”.

Nenhum comentário :

Postar um comentário