18 de mar de 2012

Compartilhe


Eu gosto quando você faz o que me agrada e gosto ainda mais, quando você faz o que me agrada porque também te agrada fazer. Eu estou aprendendo a gostar de você. E não tem sido fácil, porque eu faço parte de uma linhagem emocionalmente alfabetizada, que fala pra dizer o que sente e até pra traduzir o que não sabe sentir. Eu sorrio até com meu coração, e isso me faz um bem danado. Esse bem que eu te passo quando a gente decide se ver. E se querer. E se quiser, não demore, não enrole, seja do tipo só emoção, porque a razão já vem no pacote meu bem, e a gente nem pode dizer que não.

Mayara Almeida

Nenhum comentário :

Postar um comentário